NOSSAS REDES SOCIAIS:

Facebook: Instagram:

Exames Intrabucais

Radiografia Periapical:

Técnica radiográfica Intrabucal, dividida em regiões específicas com imagem detalhada dos incisivos centrais, incisivos laterais, caninos, pré-molares e molares. Tem por objetivo mostrar detalhadamente os elementos dentais e os tecidos ósseos adjacentes.

Principais indicações:

  • Avaliação periodontal.
  • Observação de lesão ou cisto periapical.
  • Avaliação pós-traumática dos dentes e do osso alveolar.
  • Avaliação da presença e posicionamento de dentes não-erupcionados.
  • Avaliação da morfologia radicular antes das extrações.
  • Procedimentos endodônticos, para o conhecimento da forma anatômica, número de raizes e condutos radiculares.
  • Avaliação pós-operatória de implantes.

PERIAPICAIS

Exame Periapical completo:

Técnica radiográfica Intrabucal contendo 14 radiografias periapicais (já citado anteriormente). Este exame permite mapear toda a arcada dentária, fornecendo dados para um perfeito diagnóstico inicial.

CHECK-UP

Radiografia Interproximal:

Técnica radiográfica Intrabucal, também chamada de “Bite-wing”, que possibilita a visualização das coroas na região de pré-molares e molares.

Principais indicações:

  • Diagnóstico ou detecção de cáries.
  • Acompanhamento da progressão das cáries.
  • Avaliação das restaurações e próteses instaladas (contornos marginais).
  • Avaliação do periodonto.

BITEWINGS

Radiografia Oclusal

Técnica radiográfica Intrabucal geralmente indicada como um exame complementar. Devido ao tamanho maior do filme utilizado, há uma área de exame em maiores proporções, quando comparada àquelas obtidas pelas técnicas periapicais.
O uso da técnica Oclusal se aplica principalmente na pesquisa de raizes residuais, dentes retidos, dentes supranumerários ou no estudo de grandes áreas patológicas ou anômalas, avaliação de sutura palatina mediana em ortodontia e em todos os casos cujo exame periapical seria insuficiente para um informe mais preciso.

Principais indicações:

  • Avaliação da região periapical dos dentes anteriores superiores, principalmente em crianças, como também em adultos, quando a execução da técnica periapical não pode ser realizada devido ao desconforto causado pelo filme periapical.
  • Visualização de dentes caninos não-erupcionados, dentes supranumerários e odontomas.
  • Pode ser utilizada como uma projeção central, quando utilizado o princípio de paralaxe, para determinar a posição vestíbulo-palatal de dentes caninos não-erupcionados.
  • Avaliação do tamanho e da extensão de lesões como cistos ou tumores na região anterior da maxila.
  • Avaliação de fraturas dos elementos dentais anteriores e do osso alveolar. Essa indicação é bastante utilizada em crianças que sofreram trauma, pela facilidade de se posicionar o filme reto na boca do paciente.
  • Pesquisa de sialolitos das glândulas salivares submandibulares.
  • Avaliação da expansão óssea.

Aeroporto (Check-Up+Avulso)